• Psicóloga Cecília Weiller

Preocupe-se apenas com o necessário


Psicóloga Moema | Psicóloga Cecília Weiller

Assistindo a um filme, ouvi a seguinte frase: “Se preocupar é meditar sobre bobagens. ” Parece uma frase boba, mas ouvir aquilo me marcou. Marcou, pois, comecei a perceber como ela realmente faz sentido. Quando nos preocupamos com algo que não aconteceu – e que provavelmente não irá acontecer -, fazemos da preocupação um pensamento fixo em nossa mente. Para aqueles que sofrem de ansiedade, essa sensação é ainda mais forte. Uma mente ansiosa tem a tendência a fixar e enfatizar alguns pensamentos, que muitas vezes são ruins, fazendo com que a mente não consiga se desligar daquele tipo de imagem, tornando a preocupação um tipo de obsessão. Segundo o dicionário Aurélio, meditar é pensar sobre algo, refletir, concentrar-se. Essa ação é muitas vezes benéfica para nós, pois permite um relaxamento do corpo e limpeza da mente. Mas quando a reflexão gera em torno de uma preocupação, isso está longe de ser saudável. A boa notícia é que se conseguimos “meditar” sobre preocupações, conseguiremos também meditar em cima de bons pensamentos. O que precisamos fazer é mudar o foco da nossa mente. Tente encontrar dentro de você os pensamentos positivos, a imagem de um futuro bom. Isso tudo está aí dentro. Quanto mais energia você colocar naquilo que é positivo, menos energia e espaço terá para as preocupações. Com certeza, ao tentar colocar isso em prática, você se sentirá muito mais leve e cheio de energia. Experimente!

#meditação #ansiedade #preocupação #psicoterapia #psicologia #saúdeemocional

67 visualizações0 comentário